20 de outubro de 2016

Sobrevivendo ao Halloween, à recessão econômica e à adolescência


E ai?
Hoje eu realmente decidi que deveria parar de procrastinar com as coisas mais simples. Como vim postar aqui. E quer dizer, não me levem a mal, porque eu sinceramente andei pensando no blog, escrevi alguns posts e etc... Eu odiei todos eles (os posts, digo), mas a intenção é o que conta, huh? Além disso, eu sou uma adolescente de 17 anos, eu estou totalmente permitida a ser insegura e odiar meus trabalhos, é meio assim que você se torna uma Lygia Fagundes Telles. Mas esquecendo o quão pretensiosa eu acabei de ser, vamos falar sobre a minha vida agora, que tal? Eu estou no terceiro ano do Ensino Médio, quase acabando a escola, não estudei para o ENEM, não tenho dinheiro para pagar a faculdade mas estou dando centenas para uma festa de um dia só (a famigerada formatura) e além de tudo isso, meio que estou entrando em parafuso com a minha fantasia de Halloween. Como uma garota do terceiro ano deve ser, não?
Vamos por partes. Não, melhor: Vamos falar sobre só uma parte hoje (assim eu tenho mais ideias do que postar).
Fantasia de Halloween. Eu tenho quase certeza de que a Noiva Cadáver é uma ótima personagem para mim. Quero dizer, eu meio que sou fascinada por ela desde que os meus dentes da frente estavam nascendo. O caso é que como eu devo ter citado anteriormente, eu sou uma vitima do capitalismo neoliberal e isso faz com que eu não possa pegar duzentos reais em um vestido de noiva detonado, de modo que eu devo me tornar a Emily por meio das minhas próprias façanhas. Como uma pessoa sem a menor coordenação motora ou talentos manuais vai fazer isso? É o que vamos ver pessoal. De toda forma, ai vão algumas ideias que talvez ajudem você fã da Emily também:



Esse vídeo da Victória Ferreira do Amante de Rímel foi o que me animou com toda a coisa de não ter muito dinheiro pra uma boa fantasia. Eu não sei vocês, mas eu achei a sutileza do outfit dela maravilhosa! Eu meio que estou tentando deixar minha roupa mais parecida com uma noiva do que isso e como eu sou meio emo gótica das trevas (not really), eu não tenho nenhuma roupa branca ou sapato fofinho, de modo que tive de pedir emprestado às minhas amigas normais a maioria das coisas. Fora o que eu peguei emprestado, eu pensei em improvisar mais umas coisas, do tipo o véu, uma gargantilha de espinhos (porque isso me lembra gente morta, sei lá), cílios postiços peculiares e luvas de ossos. Todas essas ideias foram roubadas desse vídeo aqui do canal da xoJahtna:


As ideias são incríveis, huh?
De qualquer forma, o post vai ser bem rapidinho desse jeito mesmo, porque eu venho depois para mostrar como tudo finalmente se deu, espero que muito bem!
Nossa, saudades de postar... Até a próxima!
By a Lady.... Tecnologia do Blogger.
Se Esse Mundo Fosse Meu... © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.